quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

'' Podes ter sido o meu maior erro, mas foste a minha maior verdade.''

Não sei o que vai dentro do teu coração. Para te ser sincera nem sei o que vai dentro do meu, apenas sei que dói e que é uma dor que não é momentânea.
Também não sei o que vai dentro da tua cabeça, nem da minha, apenas sei que já estivemos tão conscientes, juntos e felizes e que agora devido a actos inconscientes (pelo menos da minha parte, sim eu errei) estamos um sem o outro.
Ninguém imagina o que eu sinto por ti, wow, o teu sorriso é de todos o meu favorito, o teu olhar quando se cruzava com o meu era brilhante, e o teu corpo era de todos o mais sexy já para não falar desse metro e noventa de fofura que ao fim ao cabo acabava por ser uma enchente no meu coração, ou melhor, era porque agora já não somos nada um ao outro, nem devemos explicações a ninguém- nem eu a ti, nem tu a mim.
Quero que saibas que foste o rapaz que eu mais amei, o rapaz que me fazia sentir uma rainha mesmo sem o ser, o rapaz mais fofinho e lindo do planeta, para mim talvez do universo mesmo. Eras perfeito. Eras o melhor que eu tinha, o melhor de mim, o melhor de todos. Eras a pessoa com quem eu sabia que podia contar sempre, a pessoa com quem eu partilhava o meu dia-a-dia mesmo sem o partilhar. Para mim, tu só tinhas qualidades, os defeitos tu não os tinhas pelo menos aos meus olhos os teus defeitos eram inexistentes. Sei que não fui a namorada perfeita, muito menos a mais bonita, a mais simpática. Eu até sou desajeitada e ciumenta. Mas sabes é isso que me caracteriza, provavelmente era isso que faz(ia) com que tu gostasses de mim.
Já passaram mais de 10 meses desde que nos conhecemos. (Agora já nada permanece igual.) E namorámos quase 9, esses 9 foram os melhores da minha vida acredita porque embora tenhamos tido divergências e o nosso amor fosse à distância. Nós fazíamos de tudo para ficar juntos e não interessava o resto, nada mais interessava. O nosso amor chegava. Mas parece que agora só o nosso amor não chega.
Tu mudaste (...) Eu também mudei (...)
No que tu mudaste eu sei. No que eu mudei também o sei. Mas talvez só tu o possas dizer, uma vez que és tu quem assiste aos meus actos. Tu eras completamente diferente. Tu não davas confianças à primeira rapariga que metesse conversa contigo. Tu respeitavas-me muito, assim como eu também o fazia. Mas desde aí há umas semanas eu acho que deixaste de o fazer. Se estás a fazer tudo isto para ir para os braços de outra, parabéns conseguiste. Se não estás não sei que diga.
Agora só sei que uma dor enorme corrói dentro de mim, essa dor é um monstro que me faz chorar todos os dias com saudades tuas, dos teus mimos, dos teus ''amo-tes''. Estou na merda literalmente. Não gosto que andes a chamar o que me chamavas a outras raparigas e não, não te estou a julgar porque tu agora fazes o que queres, mas a meu ver desceste baixo.
Tu és um bom rapaz mas estás a estragar-te. Ou talvez até fui eu que te estraguei. Mas é por seres quem és que eu te amo mais que tudo na minha vida.
Mais nada tenho a acrescentar, no entanto, espero que cuides bem de ti, espero que sejas o ideal de homem perfeito de todas as mulheres porque tu tens tudo para vir a ser isso. Espero que te trates bem. Que te ames, mais do que alguém e acima de tudo.
Se algum dia precisares de mim, eu vou estar aqui. Sempre. Sempre que tu precisares de mim. De um ombro amigo onde chorar. Eu sei que sabes onde me encontrar, sabes onde é a minha casa, o meu número de telefone. Afinal tu és a pessoa que mais sabe sobre mim. Por isso, quando estiveres mal não hesites em dizer-me. Porque apesar de tudo, eu vou sempre ajudar-te...
Se nunca mais nos falarmos, espero daqui a uns anos ter notícias tuas, saber que estás casado, com um bom emprego e com uns filhos lindos, por mais que me custe a aceitar. 
Porque apesar de tudo, tu mereces o melhor do mundo.
(Espero que um dia me perdoes de tudo o que eu te disse.)


Até um dia.
Eu amo-te.

12 comentários:

Moranguinha disse...

Sem palavras! És uma grande Mulher!

Bernardo disse...

wow, muito bom :)

D.Pereira disse...

o final de uma relação é sempre complicado, para os dois ou/e principalmente para aquele a quem o sentimento não desapareceu... não vai ser de um dia para o outro que a dor vai desaparecer, não vai ser de um dia para o outro que vais deixar de chorar... mas é aos poucos, que vais ficar mais forte.
força!

Moranguinha disse...

R: Ainda bem que gostaste, eu juntei os que eram mais conhecidos e que mais pessoas acreditavam para conseguir esclarecer mais :)

Amy disse...

FORÇAAAAA!!!! um autocarro já passou, agora apanhas outro!
pois são boas, mas agora só resta saber se estava a olhar com intenção ou... x)

-OneDay disse...

És muito corajosa, não vais desistir, fiquei sem palavras com o texto, está lindo!

ines de castro disse...

Olá, vinha convidar-te a participares no meu giveaway é muito fácil de participares e tens dois prémios à escolha :)

http://fashion--gets-fierce.blogspot.pt/2013/01/giveaway.html

Beijinhos**

Desde já amei o texto e até me comovi...

Moranguinha disse...

Fofinha, assim que saíste da net ele veio falar comigo e pediu para dizer isto: "Sim, ainda te amo mas nao como antigamente. Sempre dei muita confiança às pessoas, e contigo foi assim. E eu andei a falar c outras? Secalhar elas davam-me aquilo q nao eras capaz de dar: atenção. Eu nao quero mais falar sobre isto, eu n considero um erro, mas depois de tudo o q me disseste nao consigo sequer olhar para ti. Desculpa, sê feliz, encontra alguém que te dê valor e com quem te sintas bem, e isso é que é importante :) Peço mesmo q o teu antigo hábito de me controlares se perca. Sê feliz, e sim, terás sempre aqui alguém teu amigo (e nao e so da boca para fora). Espero q tenhas uma boa vida, com os teus 3 filhos e um marido bom e tudo o que desejares. Até um dia." :S

Alessia disse...

O texto está lindo. Mas agora é hora de seguires em frente, guardares os bons momentos na memória e aprenderes com os erros. O que tiver de acontecer, acontecerá!

Cerejinha Mei@ Amarga disse...

O amor é muito bonito quando corre bem, quando termina deixa uma pessoa na merda. Ontem por acaso fiz um texto por causa das meninas que andam a sofrer males de amor. Ainda alguns meses atrás passava... agora é só a recordação e a falta de alguém.
Muita força...
beijinhos

Andreia Sofia disse...

És linda e forte. Parabéns e força.
Tu tens que idade querida?

miii disse...

ADORO! Parabéns! :o

Beijinho*